sábado, 29 de janeiro de 2011

Chegou ao fim


I had the time of my life!

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Para recordar #8

Ainda cansadas da viagem que fizemos à Polónia, hoje apanhámos uma multa!

Até custa a acreditar.
Tudo se deveu ao facto de que o nosso passe acabou dia 21 deste mês, uma vez que a nossa partida para Lisboa está marcada para dia 29 achámos que conseguíamos escapar aos revisores. Então tínhamos uma senha connosco, mas não a picámos com o objectivo de poupar dinheiro e só a picávamos quando os revisores chegassem.

O nosso único lapso foi o facto de que aqui os revisores não estão identificados como em Portugal, aqui parecem que são meros utilizadores do transporte até ao momento em que inesperadamente tiram um crachá do pescoço, colocando-o à vista de toda a gente.

Este simples gesto demora uns rápidos 2 segundos que nos impossibilitou de ir picar a senha. Resultado pagámos uma multa de 600czK (24€). E apesar de explicarmos que não éramos de lá, que não sabíamos que tínhamos que picar a senha, etc, etc, etc. A multa foi passada na mesma!

Remédio santo: chegámos à nossa residência, pousámos as malas e fomos comprar passe para o resto dos dias.

domingo, 23 de janeiro de 2011

Cracóvia


A nossa primeira viagem de comboio e não foi lá muito agradável. Apanhámos o comboio em Pilsen às 19h10 e tivemos que mudar de comboio em Praga, onde chegámos por volta das 21h.
Daqui foi directo até ao nosso destino - 12 horas de viagem!

Além de não dar grande jeito para dormir as condições não são as melhores, especialmente se falarmos em relação às casas de banho que são mesmo mesmo nojentas.
O bilhete de ida e volta custou 80euros.

Em relação a esta cidade, localiza-se no sul da Polónia nas margens do rio Vístula. Tem cerca de 779 mil habitantes.
O Centro Histórico de Cracóvia foi inscrito pela UNESCO em 1978 na lista do Património Mundial.

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Bom ano!!


Esta entrada de ano foi passada em Praga, a capital do meu país de Erasmus. E a contagem foi feita por duas vezes, com a hora da República Checa e com a hora de Portugal, ou seja, entrámos em 2011 duas vezes.

Uma passagem de ano diferente do habitual. O fogo de artifício ao contrário do que seria de esperar não começa à meia noite, mas ao longo de toda à noite há foguetes que vão rebentando aqui e ali. Como as pessoas têm a possibilidade de comprar foguetes toda a gente lança os ditos ao ar, o que faz com que passemos a noite toda a sermos assustados.

A meia noite foi passada em cima da ponte de Carlos com centenas de pessoas.


segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Natal

Tal como nos foi explicado, pelo Natal os Checos têm o hábito de comer carpa. Ora como neste país nunca se vende/come peixe surge a questão como é que eles o fazem?

Bastou uma ida ao centro da cidade para perceber.



Existem espalhados pela cidade, em certos lugares, uma espécie de mini mercado, onde sujeitos do sexo masculino vendem as tão famosas carpas. A venda é feita da seguinte forma: olha-se nos olhos do peixinho, escolhe-se qual tem o ar mais apetitoso e mata-se o peixe na frente de quem está a passar.




Cozinham a carpa das mais variadas formas, mas a forma mais habitual é cozido. 

Tradicionalmente no dia 24 os Checos jantam em família às 17h, o mais tardar e por volta das 19h já estão a abrir os presentes. Depois algumas família ainda alimentam o hábito de ir à Missa do Galo.
A árvore de Natal é montada apenas no dia 22 de Dezembro.


O meu Natal vai ser passado em Portugal - dia 23 já estou em terras lusas!

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Berlim


A segunda cidade a visitar na Alemanha foi a capital - Berlim. Esta viagem demorou 4h30 e custou 49 euros (ida e volta).

Com uma população de 3,4 milhões é a maior cidade do país. 

A cidade serve como um importante centro do transporte continental e é "casa" para algumas das mais importantes universidades, eventos esportivos, orquestras e museus. O rápido desenvolvimento da metrópole atraiu uma reputação internacional aos seus festivais, arquitectura contemporânea e vida nocturna, sendo um grande centro turístico e moradia para pessoas de 180 nações diferentes.

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Dicas #5

Se estão a pensar viajar e ficar a dormir num hostel procurem sempre com alguma antecedência. Depois sugiro que procurem os que têm pequeno almoço incluído, pois com esta refeição conseguem fazer sandes para o almoço e para o jantar e sempre poupam algum dinheiro.

Existem algumas bases de dados para facilmente se encontrar o hostel que se procura.

Dicas #4

Quando chegar a neve, e esta se começar a acumular nos telhados e nos parapeitos das casas, evitem andar de baixo dos mesmos pois com o calor e ao longo do dia a neve vai derretendo e pode cair-vos em cima!

domingo, 5 de dezembro de 2010

Ski - 3.º dia

Voltámos a acordar cedo e fomos novamente para a mesma pista, e como já era de esperar toda a gente estava super cansada o que originou imensas quedas. Houve até quem não tirasse o rabo da neve.

video



Ao final da manhã regressámos para o hotel para arrumar tudo e regressámos à nossa cidade.

Foi uma experiência memorável e que de certo ninguém se irá esquecer. Talvez em Janeiro haja mais disto! 

sábado, 4 de dezembro de 2010

Ski - 2.º dia

Acordámos às 7h para tomar o pequeno almoço e para estarmos equipados e prontos a sair do hotel às 8h30.
Carregados com o equipamento lá fomos nós para a montanha dos principiantes, nesta montanha estavam certa de 20 Erasmus, os restantes encontravam-se numa mais difícil.




Ao final da manhã já quase toda a gente sabia fazer ski ou snowboard com alguma facilidade. Depois do almoço continuámos a melhorar a nossa técnica. Claro que em todo este processo houve imensas quedas e risos, mas sem que ninguém se tivesse magoado.

Ao final da tarde fomos para o hotel. Já toda a gente estava super cansada e onde já se podia adivinhar que o dia seguinte não ia ser fácil, os músculos já se estavam a queixar de tanta actividade física.

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Ski - 1.º dia

Partimos de Pilsen por volta das 10h, num autocarro com 50 pessoas. A viagem demorou umas 4h, o que significa que tivemos que fazer uma paragem para almoçar e mais uma ou duas para esticar as pernas.

Quando chegámos cada um tinha que ser o responsável pelo seu equipamento, o que originava sempre alguma confusão.


Seguimos para o teleférico que nos levaria até à montanha onde no dia a seguir iríamos passar o dia.


Chegados aqui, uma espécie de tractor levou a nossa bagagem e nós tivemos que seguir a pé, uns 20 min até chegarmos ao hotel.
Arrumadas as coisas e estando já toda a gente instalada fomos jantar (à hora checa, portanto às 19h). Depois do jantar ainda houve tempo para fazermos uns jogos no interior do hotel.

Ski


Este fim de semana, o ESN organizou uma viagem a Cerná Hora para todos os Erasmus poderem ter a oportunidade de aprender e fazer Ski ou Snowboard. Para tal pagámos 72€ - o preço incluía: transporte, hotel, instrutor e refeições para dois dias.

As nossas montanhas de destino foram Krkonoše, que como se pode ver no mapa, encontram-se no norte da Republica Checa e a sudoeste da Polónia. O ponto mais alto destas montanhas é de 1,602 metros.

Todo o equipamento necessário (botas, ski e sticks) foi arranjado pelo ESN, tendo nós que pagar apenas o aluguer - 13€ - as calças de neve, as luvas e o casaco para a ocasião foram gentilmente emprestados por pessoas amigas.

Ficamos hospedados no Hotal Cerná Bouda, em quartos de 2 ou de 3. Incluía pequeno-almoço e jantar que foi previamente escolhido por nós.